Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > HTAI - necessidades locais para oportunidades globais
Início do conteúdo da página

HTAI - necessidades locais para oportunidades globais

  • Publicado: Quinta, 29 de Junho de 2017, 16h52
  • Última atualização em Quinta, 29 de Junho de 2017, 16h52
  • Acessos: 413

Pesquisas brasileiras que serão apresentadas na 14º edição do HTAi mostra liderança do Brasil em ATS

A 14º edição do Health Technology Assessment Internacional (HTAi) que será realizada na cidade de Roma/Itália, entre os dias 17 a 21 de junho de 2017, irá debater os principais modelos de abordagem para governar os sistemas de saúde, gerenciar a inovação e informar as decisões de desinvestimento em ambientes públicos e privados, além de promover uma compreensão mais profunda dos potenciais e desafios das diferentes abordagens e promover a colaboração e integração entre os sistemas regulatórios.

Segundo os organizadores do evento, os estudos de Avaliação de Tecnolgoias em Saúde (ATS) estão evoluindo para uma rede ou "ecossistema" integrado, onde as necessidades locais podem ser abordadas, graças à evidência local e global usada para apoiar decisões efetivas e sustentáveis. Este novo cenário implica em adaptações e mudanças de metodologias, ferramentas e competências profissionais.

Participação brasileira – O Ministério da Saúde estará representado por cinco técnicos do Departamento de Gestão e Incorporação de Tecnologias em Saúde (DGITS/SCTIE/MS), que irão apresentar workshops, painéis, comunicações orais e pôsteres sobre a produção de pesquisas e uso da ATS na tomada de decisão em saúde.

No domingo (18/06), das 8h:30 – 16:30 a técnica do DGITS, Aline Silveira, a convite da instituição organizadora do evento, irá apresentar o workshop "Patient Involvement in HTA – Why, When and How". Na segunda (19/06) das 13h30 – 13h45 e na terça-feira (20/06) das 14h30 - 16h00, a representante brasileira volta a apresentar, respectivamentepôster "Patient And Public Involvement In HTA: The Brazilian Experience", feito em conjunto com os autores: Tacila Pires Mega, Roberta Buarque Rabelo e Clarice Alegre Petramale e o painel "Patient Involvement in HTA: Unique needs of developing countries".

Também a convite da instituição, as técnicas do DGITS Pollyanna Cirilo e Ávila Vidal irão apresentar, no dia 18 de junho (domingo), das 14:00 – 17:00 a experiência brasileira no Monitoramento do Horizonte Tecnológico (MHT) em conjunto com as experiências de outros países como: Rússia, Alemanha, Inglaterra, Itália e Austrália. Na terça-feira (20/06) as técnicas voltam a apresentar os pôsteres “Horizon Scanning In Multiple Sclerosis Decisions In Brazil” das 10:00 às 10:15 e “Horizon Scanning For Information Providing In Brazil”, das 13:30 – 13:45. Os dois pôsteres contam com a autoria dos técnicos: Pollyanna Gomes, Ávila Vidal, Andrea Brígida de Souza, Vania Canuto e Clarice Petramale.

 Ainda na terça-feira (20/06), das 18h às 19h, será a vez da técnica Roberta Buarque Rabelo fazer a apresentação do trabalho "HTA in Brazil: a 5-year review of CONITEC activities". O trabalho conta com a autoria dos técnicos: Roberta Buarque Rabelo, Tacila Pires Mega, Clarice Alegre Petramale e Vania Cristina Canuto Santos. No mesmo dia, das 16:30 às 18:00h, a diretora do DGITS, Vânia Canuto, irá fazer a apresentação do trabalho"CONITEC’s Rapid Reports As Technical Support In The Litigation".

Reuniões – Durante a realização do evento, as técnicas Pollyana Cirilo e Ávila Vidal irão participar, no dia 18 de junho (domingo), das 9:30 às 12:00hs, do encontro entre os membros da Rede Internacional de Informação sobre Novas Tecnologias em Saúde, Emergentes e Obsoletas (EuroScan Internacional) para discutir os novos rumos do MHT no Brasil e no mundo.

No mesmo dia, as técnicas Roberta Buarque e Vânia Canuto estarão representando o MS, na reunião do HTAi Policy Forum. O Fórum é formado por especialistas internacionais que irão discutir a atual situação e futuras estratégias de ATS.

Nos dias 21 e 22, Roberta Buarque e Vânia Canuto também irão participar da reunião da Rede Internacional de Agências para Avaliação de Tecnologia de Saúde (INATHA) que é a rede mundial de agências de ATS e que avalia os efeitos de uma determinada tecnologia da saúde, abordando os efeitos diretos dessa nova tecnologia. O Brasil é o único representante da América Latina nos três fóruns mundiais: EuroScan, HTAi Policy Forum e INATHA.

HTAi - O Health Technology Assessment Internacional  é a sociedade profissional para a promoção da Avaliação de Tecnologia de Saúde. Sua missão é apoiar o crescimento da comunidade, fornecendo um fórum neutro e global para a troca de informações, métodos e conhecimentos especializados. Ao todo, 65 países fazem parte da rede, incluindo pesquisadores, agências, formuladores de políticas, indústria, academia, provedores de serviços de saúde e pacientes / consumidores.            

registrado em:
Fim do conteúdo da página
© 2015 Conitec - Direitos Reservados V1.0.1