Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > PAF e CAF: protocolo de amiloideses hereditárias está aberto para consulta pública
Início do conteúdo da página

PAF: protocolo de amiloidoses hereditárias está aberto para consulta pública

  • Publicado: Sexta, 20 de Abril de 2018, 11h34
  • Última atualização em Terça, 17 de Julho de 2018, 16h25
  • Acessos: 1355
O Ministério da Saúde publicou nesta quinta-feira, a consulta pública sobre o PCDT das Amiloidoses Hereditárias Associadas à Transtirretina. O PAF terá linha de cuidados estabelecida no SUS.
 
O que é amiloidose?
Amiloidose constitui um grupo de doenças raras, se manifesta quando as proteínas amilóides se depositam e acumulam nos órgãos e tecidos do corpo. As fibrilas de proteína amiloide são formadas pela transtirretina (TTR) e a substituição da Metionina pela Valina na proteína transtirretina é a causa dessa doença. Comum no Brasil, o PAF (Polineuropatia Amiloidótica Familiar) é um dos tipos de manifestação das amiloidoses hereditárias e não há dados epidemiológicos registrados, a ABPAR (Associação Brasileira de Paramiloidose) estima uma prevalência de pelo menos 1 para 100.000 habitantes.

Os principais sinais são: fadiga, perda de peso, sensação de plenitude gástrica, formigamento e dormência nas pernas, falta de ar e ritmo cardíaco irregular. O tratamento da doença ainda é limitado e o diagnóstico precoce é fundamental, pois as abordagens disponíveis e de maior sucesso, são realizadas em pacientes no primeiro estágio da doença.
 
Tratamento para PAF previsto no PCDT das Amiloidoses
O Protocolo Clínico e as Diretrizes Terapêuticas trazem o tafamidis para o tratamento dos pacientes em estágio inicial, a terapia medicamentosa age estabilizando a TTR com mutação, evitando que se formem os depósitos de fibras amiloides, que diminuirão a progressão da doença.  E para os casos avançados preconiza o transplante hepático.

O relatório completo, do Departamento de Gestão e Incorporação de Tecnologias em Saúde, com a recomendação inicial está disponível no site da Conitec.
 
Como participar
Para contribuir, basta utilizar os formulários eletrônicos disponíveis no site da Conitec, os formulários estão dentro da consulta pública vigente, faça seus comentários e suas sugestões, a participação da sociedade é fundamental.
 
Acesse aqui.
registrado em:
Fim do conteúdo da página