Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Participe da consulta pública sobre infecções sexualmente transmissíveis
Início do conteúdo da página

Participe da consulta pública sobre infecções sexualmente transmissíveis

  • Publicado: Quinta, 05 de Julho de 2018, 16h01
  • Última atualização em Sexta, 24 de Agosto de 2018, 09h53
  • Acessos: 867

A população poderá contribuir até o dia 25 de julho

As infecções sexualmente transmissíveis (IST) são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos e transmitidas, principalmente, por meio do contato sexual (oral, vaginal, anal) sem o uso de camisinha, com infectados. A transmissão pode acontecer, ainda, da mãe para a criança durante a gestação, no parto ou na amamentação. 

A terminologia IST substitui à expressão Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), porque destaca a possibilidade de uma pessoa ter e transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas.  Segundo o Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 1 milhão de pessoas ao dia, no mundo inteiro, são infectadas por algum tipo de IST.

O Departamento de IST/HIV/AIDS do Ministério da Saúde apresentou as propostas de atualização do Protocolo Clínico de IST. A versão atualizada inclui quatro novos capítulos, abordagens de rastreamento por faixa etária e atividade sexual para sífilis e clamídia e gonococo, assim como padronização da nomenclatura de medicamentos. Os membros da plenária da Conitec emitiram, por unanimidade, a recomendação favorável ao novo documento. 

Como participar   

Utilize os formulários eletrônicos disponíveis no nosso portal, no link Consultas Públicas. Faça seus comentários e sugestões. Sua participação é muito importante!!!

Para acessar o relatório de recomendação inicial clique aqui!

registrado em:
Fim do conteúdo da página