Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias (3) > O que é o Monitoramento do Horizonte Tecnológico e para que serve?
Início do conteúdo da página

O que é o Monitoramento do Horizonte Tecnológico e para que serve?

  • Publicado: Segunda, 19 de Fevereiro de 2018, 17h36
  • Última atualização em Sexta, 27 de Abril de 2018, 16h45
  • Acessos: 1128
Ministério da Saúde publica livro sobre a importância desse processo nas políticas de saúde
 
Já está disponível aqui no portal o livro Monitoramento do Horizonte Tecnológico (MHT) no Brasil: Avanços e Desafios, que aborda a importância de se mapear as inovações em tecnologia no setor  saúde. Não se trata de fazer previsões a respeito do futuro, mas de analisar as oportunidades, ameaças e prováveis mudanças que tecnologias novas ou em desenvolvimento podem representar no cuidado em saúde. Esse monitoramento subsidia as decisões relacionadas à gestão de medicamentos, equipamentos, procedimentos e outras tecnologias, desde a fase de pesquisa e desenvolvimento, passando pela regulação mercadológica, até a sua incorporação ou retirada do sistema.

No Brasil, a discussão sobre o MHT surgiu em 2008, com a criação da Rede Brasileira de Avaliação de Tecnologias em Saúde (REBRATS), que conta com um grupo de trabalho exclusivamente dedicado ao tema. Em 2011, com o marco legal de criação da CONITEC, que incluiu o MHT em seu processo de análise de tecnologias, esse campo ganhou maior força.

A publicação completa, que conta com exemplos de êxito na aplicação do MHT e explica as diferentes maneiras de estruturar sistemas de monitoramento, está disponível neste link.

 
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
 
 
registrado em:
Fim do conteúdo da página